Connect with us

ARTIGOS

O que é animismo, de acordo com o Espiritismo

Published

on

chico xavier espiritismo animismo

Será que essa comunicação realmente é espiritual ou são questões interiores que estão aparecendo? O animismo é capaz de ser o ponto de partida para a reflexão comum entre os médiuns. O que o Espiritismo diz sobre o tema? Não seria necessário uma avaliação com um profissional? A humildade de estar do outro lado, agora um pouco como espectador da Casa não seria importante nesse momento?

O que é animismo, segundo o Espiritismo

No livro Mecanismos da Mediunidade, André Luiz (Chico Xavier e Waldo Vieira) explica animismo como ‘conjunto de fenômenos psíquicos produzidos com a cooperação consciente ou inconsciente dos médiuns em ação’.

Em outras palavras, o que de alguma maneira deixamos aparecer de nós no momento que nos abrimos para a comunicação. É algo comum. Só que precisa ser trabalhado, principalmente através do estudo. Não apenas das obras básicas. Mas com a nova literatura, o debate com os irmãos. Assim, trazendo o conhecimento para o agora.

Os perigos

Em momentos da nossa vida que estamos fracos mentalmente, precisamos ter a humildade de se afastar pelo tempo necessário dos trabalhos na Casa. Mas continuando frequentando como espectador, para refazer as questões interiores que precisam agora da nossa atenção.

Caso contrário, poderemos alimentar ‘teorias’, reunião após reunião. Ou seja, questões que na verdade são nossas.

A psicologia pode nos auxiliar nesse campo. Precisamos estar bem conosco mesmo para, em seguida, ter condições de auxiliar o próximo. Caso contrário, poderemos não apenas atrapalhar o outro, mas também nós mesmos.

Responsabilidade com o próximo

Em conclusão, quando nos colocamos à disposição para o trabalho, precisamos acima de tudo ter responsabilidade. Se estivermos presos com questões pessoais fortes, elas naturalmente podem atrapalhar a comunicação.

Assim, por mais que a casa espírita tenha proteção, ela é colocada em dúvida diante de espectadores que desconhecem o assunto. E precisamos compreender que o médium, além de estudar, precisa repousar, encontrar o descanso essencial para afinar suas qualidades. Pois somos humanos, espíritos na carne, mas humanos, em busca de aprendizado e evolução.

Para sempre, espíritos

Seja qual for nossa situação, continuaremos a ter essa condição de luz. Ou seja, que sequer tem forma humana. Dessa forma, precisamos lembrar dessa essência quando sentimos que perdemos o caminho. Quando estamos muito ligados as coisas materiais.

Afinal, todo dia é um recomeço. O desafio batendo à porta. Trazendo um novo conhecimento. Exigindo a nossa fé ativa. Fazendo brotar o esforço no bem. Abrindo o círculo para receber a energia do Alto. A sabedoria sendo colhida. Para nunca mais ir embora.

Trazendo a leveza de Deus. Força divina que estende a mão. Acolhe. E abraça todo nosso ser. Para um novo dia. Para sempre, um novo dia.

Continuar Leitura
Advertisement

Facebook

Mais acessadas