chorar por quem morreu chico xavier

Chorar por quem morreu, de acordo com Chico Xavier

Inevitável em alguns  momentos não chorar por quem morreu e certamente nos marcou. Pois de fato aquela ausência material terá que ser ressignificada, principalmente através do exercício da nossa fé pró-ativa. Em apenas uma frase, Chico Xavier consegue nos auxiliar na maneira de lidarmos com esse momento que o sentimento de luto extravasa. 

De acordo com Chico Xavier, chorar por quem morreu…

‘Quando as lágrimas refletem a nossa saudade, tocada de esperança, as lágrimas fazem muito bem. Porque elas são luzes no caminho daqueles que são lembrados com imenso carinho. Mas quando nossas lágrimas traduzem revolta de nossa parte, essas lágrimas prejudicam’, afirmou Chico Xavier durante entrevista ao programa Pinga-Fogo, da TV Tupi, em 1971.

Em outras palavras, precisamos chorar por gratidão e não lamento. Assim, nossos entes queridos são capazes de seguir a caminhada, sem o peso de terem nos atrapalhado aqui na Terra.

A tristeza vai passar

Naturalmente inúmeros questionamentos passam a surgir em nossa mente em um momento de partida de quem amamos, principalmente quando não estamos com a fé fortalecida. Em seguida, com o despertar para a busca do conhecimento da vida eterna, a tristeza vai sendo curada por doses de aceitação.

Mas aceitar não é ainda concordar. Pois, de fato, nem sempre teremos, de pronto, essa sabedoria. Em outras palavras, aceitar é começar a encarar a realidade, não negando que tal fato, apesar de comum, aconteceu. 

Reaprender a amar

Em seguida, começamos a reaprender a amar. Pois a partir de agora é preciso amar sem nem sempre ver e tocar. É preciso sentir o sentimento mais puro através da ausência, exercendo a gratidão pelo tempo aqui na Terra.

Em conclusão, trata-se apenas de uma etapa. Dessa forma, passamos a subir mais um degrau no conhecimento espiritual que nos traz serenidade e conforto para lidar diante do peso emocional desse momento.