Connect with us

ARTIGOS

Quando Chico Xavier foi atacado por um cachorro obsessor

Published

on

chico xavier cachorro obsessor

Ao voltar, certa vez, do centro para sua casa nos fundos da casa de Luiza, levou um tremendo susto:

Um cachorrão, ao que parece um Doberman preto, pulou-lhe no peito e, com as patas em cima dele, assim permaneceu.

Assustado, pensou que a morte acabara de chegar. Gelado e sem cor, imóvel e sem ter a quem recorrer, já que eram 3 horas da madrugada, só teve um pensamento: dialogar com o cachorrão.

grupo whatsapp chico de minas xavier

“Irmão, se você estiver com fome, tenho carne na geladeira de minha irmã. Vamos para casa, não me machuque porque eu tenho, ainda, uma missão a cumprir.”

Como que ouvindo os seus apelos, o cachorrão tirou-lhe as patas do peito, e seguiu-o, arrastando uma corrente grossa que pendia da coleira.

Chegando à casa da irmã, foi direto à geladeira, mas, ao ouvir aquele barulho na copa, aquele arrastar de corrente, Luiza de seu quarto perguntou alto:

– Chico, é você? Que barulho é este de corrente arrastando por ai?

Ele tranquilamente respondeu:

– Luiza, não se preocupe. É um obsessor que me acompanhou e está acorrentado. Fique calma, estou a doutriná-lo.

Após dar 2 quilos de carne, disse ao cão:

– Agora vá embora irmão, preciso dormir. Deixe-me em paz! Obediente, o cachorro saiu porta a fora, e ele num desabafo exclamou:

– Vá com Deus querido irmão, você me deu tantos anos de vida…!

No cardápio do almoço do dia seguinte, foi abolida aquela bela e suculenta posta de carne, que servira para “doutrinar” o temível obsessor.

Extratos do livro: Nosso Amigo Chico Xavier – 50 Anos de Mediunidade.

Autor: Luciano Napoleão da Costa e Silva

Continue Reading
Advertisement  
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement

Facebook

Advertisement

Receba nossas postagens!

Clique e se inscreva!

Mais acessadas