Connect with us

ARTIGOS

O silêncio como resposta: elevação espiritual em nosso dia a dia

Published

on

O silêncio como resposta: elevação espiritual em nosso dia a dia

O silêncio tem um poder mágico, curativo. Aqui falo do silêncio meditativo como resposta aos problemas do dia a dia. Nem sempre é necessário falar. Silenciar, agir – ou aguardar se for o caso. Isso faz parte da elevação espiritual.

Cada vez que falamos, principalmente sem habitar nosso estado mental de paz, criamos ações e energias indesejadas. Muitas sem volta, afastando pessoas, acabando com oportunidades na vida.

‘Guardemos cuidado toda vez que formos visitados pela inveja, pelo ciúme, pela suspeita ou pela maledicência. Casos intricados existem nos quais o silêncio é o remédio bendito e eficaz, porque, sem dúvida, cada espírito observa o caminho ou o caminheiro, segundo a visão clara ou escura de que dispõe. (André Luiz/Chico Xavier)

Portanto, o tempo tem seu papel em qualquer circunstância: seja pela ação ou por necessariamente aguardar. Muitos casos não dependem unicamente de nós e esperar, em prece, em silêncio, é o remédio.

A espera silenciosa

Espera silenciosa não quer dizer inércia, ansiedade. Quer dizer continuar com nossos sonhos. No alimento diário dessa energia que nos move: pequenas ações em campos distintos daquela ferida.

Ou seja, de certa maneira, ações em áreas distintas daquela que nos machuca tem um pode renovador em nosso ser. Nossa alma se alimenta de diversos estímulos, clama por conhecimento, por paz e… por silêncio.

Elevação espiritual: estado meditativo

O estado meditativo mais popular, que conhecemos pelas práticas orientais, não é – repito – inércia. É uma espécie de reorganização dos pensamentos, como se toda a ‘papelada’ da nossa mente fosse organizada em gavetas.

Portanto, meditar é se elevar espiritualmente. Se reorganizar. Se sentir. Estar presente de maneira única naquele momento. Estado essencial para que o problema que te afeta será enviado para um estado curativo, sem afetar diretamente seu ser.

 

 

Continuar Leitura
Advertisement  
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement

Facebook

Advertisement

Mais acessadas