Connect with us

ARTIGOS

O que Divaldo Franco diz sobre os cães no mundo espiritual

Published

on

divaldo franco cães reencarnação

Em entrevista à revista ‘O Consolador’, o médium Divaldo Franco afirma que os cães não demoram muito tempo para reencarnar. Ele cita livros de André Luiz, através da mediunidade de Chico Xavier, e de Charles, da médium Yvonne do Amaral Pereira, além de recordar de Sultão, o cão que acompanhava o padre Germano (livro Memórias do Padre Germano, de Amália Domingo Soler).

Divaldo Franco afirma que os cães permanecem um tempo na chamada ‘erraticidade’

‘Pessoalmente, já tive diversas experiências com animais, especialmente cães desencarnados, que permanecem na erraticidade há algum tempo’.

De acordo com a Doutrina Espírita, esse é o estado que o espírito permanece entre duas encarnações. Ou seja, estão em processo de evolução.

Animais no mundo espiritual e a fila para reeencarnação, de acordo com Divaldo Franco

Todavia esse estado não é considerado um sinal de atraso espiritual. Os animais, e espíritos em outros estados evolutivos, habitam diferentes colônias no mundo espiritual em busca de aprendizado.

Assim, podem entrar na fila da reencarnação, aproveitando melhor a nova experiência na Terra.

A visão de Chico Xavier

De acordo com Carlos Baccelli, em seu livro ‘O Evangelho Segundo o Espiritismo’, o médium de Pedro Leopoldo (MG) afirma ter visitado por diversas vezes as regiões do Umbral com os espíritos Emmanuel e André Luiz.

Um local onde ‘os Espíritos sofredores, errantes, que não conseguem ascender às regiões superiores, permanecem na expectativa de um novo corpo’.

Ou seja, todas as classes de espíritos – com exceção dos já considerados superiores – passam por esse momento de transição.

Reencarnação dos animais

Os animais podem reencarnar? Cães e gatos, por exemplo, que nos acompanharam por boa parte da nossa vida e nós doaram tanto amor possuem alma? O que o Espiritismo diz?

De acordo com Chico Xavier, o laço carinho e dedicação que nos une com eles é eterno e eles continuam mais próximos da gente do que possamos imaginar.

Cumprindo assim um dos preceitos básicos da Doutrina Espírita: a lei do progresso.

Continuar Leitura
Advertisement  
Advertisement

Facebook

Advertisement

Mais acessadas