Connect with us

NOTÍCIAS DO BEM

Criança que nasceu com HIV é curada após oito anos sem remédios

Published

on

HIV

R7

Uma criança sul-africana de nove anos de idade que nasceu com HIV é agora a terceira no mundo a ser completamente curada do vírus. Após seu nascimento, ela passou aproximadamente um ano e meio em tratamento com remédios e, depois disso, manteve o próprio sistema imunológico saudável sem medicamento algum por mais de oito anos. As informações são da agência Reuters.

Geralmente, pacientes com HIV precisam de acompanhamento com antirretrovirais até o fim da vida para controlar a doença. O caso desta criança africana surpreendeu os cientistas e renovou as esperanças de mais de 37 milhões de pessoas infectadas com o vírus ao redor do mundo.

Entretanto, os cientistas pedem cautela, reforçando que esse é um relato extremamente raro. “É um caso que levanta mais perguntas do que respostas e mostra que, talvez, o tratamento para o HIV não seja para a vida toda. Mas é claramente um fenômeno raro”, afirmou Linda-Gail Bekker, presidente da IAS (International AIDS Society), em uma conferência em Paris.

 

A criança, que contraiu HIV da própria mãe e hoje tem aproximadamente 10 anos de idade, não teve seu gênero ou identidade revelados pelos pesquiadores. Os médicos trataram o paciente com antirretrovirais desde a nona até a 40ª semana de vida. Após esse período, os medicamentos foram suspensos e o caso foi monitorado regularmente para qualquer sinal de recaída. Atualmente, ela não apresenta sinais ou sintomas da doença.

Na grande maioria dos pacientes com HIV, os níveis do vírus no organismo crescem com o passar dos anos se não há tratamento com remédios. Sharon Lewin, médica especialista em HIV da Universidade de Melbourne, na Austrália, e parte do conselho da IAS, aponta que a experiência com a criança africana pode ajudar a investigar as respostas do próprio sistema imunológico à interrupção de tratamentos.

A pandemia de HIV e Aids já matou aproximadamente 35 milhões de pessoas em todo o mundo desde os anos 80.

> Acesse aqui mais histórias emocionantes

Continue Reading
Advertisement  
Click to comment

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz
Advertisement

Facebook

Twitter

Advertisement

Mais acessadas