Connect with us

ARTIGOS

Como se proteger de maus espíritos?

Published

on

maus espíritos

TV MUNDO MAIOR | Ricardo Guelfi de Souza

Os Espíritos maus estão em qualquer parte e passam por nós diariamente. Seus desejos pelo mal não devem ser subestimados, tal qual o sarcasmo e a diversão com que alimentam seus vícios por meio da obsessão.

A princípio colocamos a culpa da obsessão nesses espíritos malfazejos, porém, devemos nos lembrar que nossa energia os atrai. Nossas feridas espirituais, como orgulho, ódio e até mesmo as tristezas podem, por meio do magnetismo denso e negativo, trazê-los para próximo de nós.

Devemos limpar as impurezas da alma com a chama do amor. A caridade, o perdão e a gratidão fazem parte desse processo. O estudo do espiritismo torna-se importante para adquirir conhecimentos, os quais trazem compreensão acerca das energias e dos espíritos maus.

Faça o Evangelho no Lar, frequente uma casa espírita, e principalmente pratique o amor em sua vida. Ore também pelos Espíritos impuros, eles precisam de carinho, de luz, e sua prece pode ser fundamental para elucidar sobre seus erros e permitir-se ser socorrido pela espiritualidade amiga.

Leia abaixo a prece do Evangelho Segundo o Espiritismo Para afastar os maus Espíritos:

“Em nome de Deus Todo-Poderoso, afastem-se de mim os maus Espíritos, servindo-me os bons de antemural contra eles.

Espíritos malfazejos, que inspirais maus pensamentos aos homens; Espíritos velhacos e mentirosos, que os enganais; Espíritos zombeteiros, que vos divertis com a credulidade deles, eu vos repilo com todos as forças de minha alma e fecho os ouvidos às vossas sugestões; mas imploro para vós a misericórdia de Deus.

Bons Espíritos que vos dignais de assistir-me, dai-me a força de resistir à influência dos Espíritos maus e as luzes de que necessito para não ser vítimas de suas tramas. Preservai-me do orgulho e da presunção; isentai o meu coração do ciúme, do ódio, da malevolência, de todo o sentimento contrário à caridade, que são outras tantas portas abertas ao Espírito do mal.”

Continue Reading
Advertisement  
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement

Facebook

Advertisement

Receba nossas postagens!

Clique e se inscreva!

Mais acessadas