Connect with us

ARTIGOS

A solução dos nossos problemas pela prece, por Bezerra de Menezes

Published

on

bezerra de menezses

Talvez não mudemos o mundo, mas mudaremos a nós.

Talvez a Humanidade continue chorando, mas continuaremos sorrindo, porque todos temos lágrimas represadas em nosso coração.

Todos trazemos o âmago da alma aturdido pelas paixões, mas Cristo é o sublime e doce mel das nossas vidas.

Quando a solidão instalar-se em nosso íntimo, falando de abandono e tristeza, busca, alma querida, a oração ungida de amor para que te vincules a Jesus.

Quando a enfermidade corroer os tecidos do teu corpo, revigora a alma querida com a oração que lenifica todas as dores.

Quando as tempestades ameaçarem a tua existência, ceifando o que tens de melhor, refugia-te na oração e encontrarás abrigo.

Quando uma dor inominável penetrar no cerne do teu ser e ninguém te compreender os olhos tristes e o coração pejado de lágrimas, ajoelha-te e ora para que Jesus lenifique as tuas angústias.

A oração é a ponte entre o Eu propínquo e o Deus longínquo da Humanidade.

Orem sempre e sem cessar, filhos e filhas queridas, e então estarão preenchidas as lacunas e os vazios existenciais.

Somos convidados para preencher o vazio do mundo com a presença dAquele que é a vida da nossa vida e a luz do mundo entre nós.

Temos a honra de conhecer Jesus, que espera cumpramos com nosso dever.

Que não nos importem perseguições e pedrouços, agonias e testemunhos, porque Ele optou pela cruz sem dever nada e transformou-a em asas de sublimação…

As nossas cruzes, invisíveis, apelam para que saiamos do vale carnal e encontremos a plenitude.

Vamos, almas queridas, no rumo da imortalidade, da qual ninguém se evade, e, preparando-a desde hoje, tenhamos a consciência iluminada pela paz do dever cumprido.

Recebam, filhos e filhas do coração, o ósculo do servidor humílimo e paternal de sempre.

Bezerra.
Psicofonia de Divaldo Pereira Franco, ao término da palestra,
no Grupo Espírita André Luiz, na noite de 9.8.2018,
no Rio de Janeiro.
Em 7.1.2019.

Continuar Leitura
Advertisement  
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement

Facebook

Advertisement

Receba nossas postagens!

Clique e se inscreva!

Mais acessadas