alma

A alma se transporta junto com o pensamento segundo o Espiritismo?

De acordo com o Espiritismo, a alma se transporta junto com o pensamento. ‘Quando o pensamento está em alguma parte, a alma também aí está, pois que é a alma quem pensa. O pensamento é um atributo’, observa O Livro dos Espíritos, de Allan Kardec. Ou seja, a sutileza é a característica marcante da essência do nosso ser.

A distância percorrida pela alma

‘O Espírito pode perfeitamente, se quiser, inteira-se da distância que percorre, mas também essa distância pode desaparecer completamente, dependendo isso da sua vontade, bem como da sua natureza mais ou menos depurada’.

Essa característica está presente em trabalhadores espirituais com várias frentes de trabalho, a exemplo de Dr. Bezerra de Menezes. O ‘Médico do Pobres’ continua seu trabalho de ajuda ao próximo, sendo considerado um dos maiores socorristas do plano espiritual.

O espírito não se divide

Embora possa estar irradiando sua energia em vários locais, o espírito não se divide. Ou seja, sempre será um, igual o sol, que pode estar presente de alguma maneira em vários locais ao mesmo tempo.

Dependendo do grau de pureza e trabalho desse espírito, a exemplo de Dr. Bezerra de Menezes, ele estará em vários locais ao mesmo tempo, sendo apenas um.

Sem obstáculos para a alma

A literatura espírita nos revela que não há obstáculos para a alma. Ela é capaz de atravessar o ar, a terra, a água e o fogo.

Por isso, a ‘prisão’ do espírito ao corpo que permite certos aprendizados. Afinal, com essa liberdade de tempo e espaço nem tudo é possível aprender.

Estamos há cerca de 40 mil anos vivendo as mais diferentes experiências. Em centenas de encarnações distintas, nos mais diversos países e condições de vida, mas sempre em busca de conhecimento e da pureza do amor ensinada por seres como Jesus Cristo.